segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Como Seremos em 2768 / How we will be the year 2768

previsões especulativas e fantasiosas para o futuro do ser humano. Encontrei essa aqui, publicada no século passado e deu uma traduzida meia boca. Ela conta como o ser-humano vai evoluir para sobreviver em um mundo de alta concentração de toxinas e poluição. A publicação foi feita originalmente na antiga União Soviética e os créditos são do Dr. W. S. Goker. Acho que em algum tempo teremos que rever nossos padrões de beleza.
1. Olhos. A fim de suportar o contacto com substâncias poluentes na atmosfera, o olho humano será menor, semelhante ao do porco. Uma membrana transparente (que agora pode ser encontrado no canto interno do olho), será maior e irá servir como uma segunda pálpebra.
2. Nariz. Aumentará de tamanho e terá um sistema de compartimentos e filtros para melhor limpar o ar. Pela mesma razão, os pêlos do nariz se tornarão mais densos e longos.
3. Pulmões. Aumentará de tamanho e vai ser mais ligado ao sistema circulatório, o que permitirá a extracção do ar de uma pequena quantidade de oxigénio.
4. Fígado. Sua capacidade de limpar o sangue vai aumentar drasticamente se tornando mais eficaz na filtragem de substâncias venenosas.
5. Pele Torna-se mais brutal, com áreas de calcificação para evitar queimaduras de poluentes químicos na atmosfera.
6. Apêndice. Deixam de ter uma função superficial, ajudando a transformar todo tipo de vegetal em alimento (uma vez que a carne se tornará imprópria para consumo devido à poluição).
7. Estrutura óssea. Será mais frágil e mais leve, devido à relativa falta de vitamina D (redução da quantidade de luz solar e má alimentação).
8. Cabelo. Desaparecerá devido a um forte aquecimento global.
9. Orelhas. O aumento da poluição sonora irá conduzir à formação de dobras nas orelhas, tornando-as mais semelhantes ao cão. Uma pessoa poderá levanta-las para ouvir melhor e abaixa-las para reduzir o ruído de fluxo.
10. Temperamento. O homem vai ser um pouco louco. Isto será, devido à presença de substâncias tóxicas nos produtos alimentares (que conterá uma alta percentagem de mercúrio).
11. Aparelhos respiratórios. Imediatamente após o nascimento, o homem precisará de uma unidade especial de respiração, que irá ajuda-lo à sobreviver às primeiras semanas de vida.
12. Rins. Vai adquirir uma nova função - a extracção de água da urina e conservação de água no organismo. Em vez de fluído, a pessoa vai urinar uma espécie de puré, composto de ácido úrico e substâncias tóxicas.

speculative and fanciful predictions for the future of mankind. I found this one, published in the last century and has translated a half mouth. She tells how the human race will evolve to survive in a world of high concentrations of toxins and pollutants. The publication was originally made in the former Soviet Union and the credits are from Dr. W. S. Goker. I think at some time will have to revise our standards of beauty.
1. Eyes. In order to withstand contact with pollutants in the atmosphere, the human eye will be smaller, similar to the pig. A transparent membrane (which can now be found in the inner corner of eye), will be larger and will serve as a second eyelid.
2. Nose. Increase in size and will have a system of compartments and better filters for clean air. For the same reason, nose hair will become thicker and longer.
3. Lungs. Increase in size and will be more connected to the circulatory system, allowing the extraction of air from a small amount of oxygen.
4. Liver. Its ability to cleanse the blood will increase dramatically becoming more effective in filtering poisonous substances.
5. Skin becomes more brutal, with areas of calcification to prevent burns from chemical pollutants in the atmosphere.
6. Appendix. Stop having a surface function, helping to transform any type of vegetable in food (since the meat will become unfit for consumption because of pollution).
7. Bone structure. It will be lighter and more fragile due to the relative lack of vitamin D (reducing the amount of sunlight and poor diet).
8. Hair. Disappear due to a strong global warming.
9. Ears. The increased noise pollution will lead to the formation of folds in the ears, making them more similar to the dog. One person can lift them to hear better and lower them to reduce the flow noise.
10. Temperament. The man will be a little crazy. This is due to the presence of toxic substances in food products (which contain a high percentage of mercury).
11. Breathing apparatus. Immediately after birth, the man need a special unit of breath, which will help it to survive the first weeks of life.
12. Kidneys. Will acquire a new function - the extraction of water from urine and water conservation in the body. Instead of fluid, the person will urinate a sort of puree, composed of uric acid and toxic substances.

9 comentários:

Rui Sousa disse...

acho que é melhor morrer antes de la chegar...

vou ficar feio como o catano

M. disse...

É assustador...

(mas olha que já vi parecidos. Hoje...)

mythic disse...

Rui Sousa bem vindo ao blog , tal como a M diz já existe algo parecido e chama-se...socrates , e cá uma aberração que nos fode o futuro

Amélie Bouvié disse...

C ruzes, que medo!
Beijos querido e logo escrevei sobre a Miss B

M. disse...

Há mais...

mythic disse...

M. vistes aonde?

mythic disse...

amélie andas desaparecida volta tas a fazer falta na blogosfera.beijos

gAb. disse...

Ta lendo muito gibi...700 anos para uma evolução que nao aconteceu em mais de 5 mil anos... A evolução tecnologica é muito mais rapida, ela vai nos matar (ou salvar) muito antes de começar a crescer o nariz.

Monalisa disse...

Hum... fígado com maior capacidade de eliminar eliminar substancias tóxicas é? Massa!

veja tambem estes posts / see also these posts to

Related Posts with Thumbnails